Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha vidinha

A minha vidinha

16
Jan15

os problemas de viver numa terra pequena

Maki

Toda a gente se conhece, o que é agradável até que acontece alguma merdinha e sempre que metes o cu fora de casa tens que lidar com falsas preocupações, pessoas que geralmente te dão um bom dia forçado passam a estar super preocupados à procura das noticias mais frescas e das melhores fontes para as conversas de café, e o mais bonito disto tudo é que só se vão embora quando notam que te tocaram com alguma merda e estas prestes a chorar baba e ranho. O que é mau pessoalmente passa a ser frustrante na Internet, quando estás muito bem no teu Facebook e te aparece um post sobre o quão preocupados as pessoas estão em saber sobre o que aconteceu, sim que isto de pertencer a um grupo no Facebook que abrange várias pessoas da terrinha tem destas coisas. E quando eu digo no que aconteceu é mesmo no que aconteceu, as pessoas estavam a cagar-se para a família, para os sentimentos envoltos naquilo, só queriam saber de novidades e criar especulações. Nunca me tinha passado com um post no Facebook como naquele dia. Após a intervenção da minha irmã lá apagaram aquilo, criando um post novo do dia seguinte... Fdp... Aí eu não me contive... Peguei em todo o meu sarcasmo e arrogância e escrevi uma merda enorme, mas delicada e sem um único palavrão (o que foi bastante difícil porque eu so os queria mandar para o raio que os parta), disse tudo o que pensava daquele gesto e das pessoas que o comentaram, mandei-os para o café (sim, para o café e não para o caralho, como disse foi um texto delicado munido de sarcasmo). Aquilo surtiu de tal forma efeito que aquele post foi apagado em menos de 3min e não voltou a aparecer tal coisa naquele maldito grupo. Os fdp chegaram a meter uma fotografia da minha avó lá... Se eu tivesse visto... Foi uma prima minha ainda por cima... Tirou uma fotografia à minha avó num momento delicado para ganhar gostos e parecer muito preocupada na Internet... Bastarda. Uma prima que estava tão preocupada que nunca chegou a meter o cu cá em casa para ver como estávamos...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D